As sete maiores descobertas científicas de 2014

sem-tc3adtuloOlha quem chegou: o ano novo! Os doces foram jogados fora, a mensalidade da academia atrasada há meses foi paga, as gordurinhas acumuladas estão prontas para serem queimadas e as promessas feitas no Reveillon estão sendo cumpridas. Bom, pelo menos até Março né?

Nesse clima de falta de vontade de voltar ao trabalho e cuidando das queimaduras de sol, eu tive um momento Fátima Bernardes e me perguntei: da onde surgem as tradições? Pensando nisso resolvi dar prosseguimento e institucionalizar a primeira tradição do Prisma Científico: todo começo de ano faremos um retrospecto do que aconteceu de melhor na ciência no ano que se passou. Se você não conferiu as maiores descobertas científicas de 2013, clique aqui e veja os avanços daquele ano. Pois bem amigos, vamos as 7 maiores descobertas/avanços científicos de 2014! Continuar lendo

Anúncios

A Ciência pela Arte (2): O ruivo com “soul”

Voltamos ao reino da música nesse novo post sobre a forma que a arte vê a ciência, a música nos dá um vasto leque de opções para trabalhar esse ponto. No post anterior (clique aqui para ler) falei sobre o álbum “Quanta” de Gilberto Gil, neste, falarei especificamente sobre um músico que além de cantar e tocar piano é também humorista, ator, compositor, musicista, diretor, produtor musical e, segundo o seu site, um megastar.

079022-minchin

Continuar lendo

Um show de ciência!

12208668

A primeira vez que assisti ao “Ciência em Show” na televisão, eu pensei: “Olha esses caras! Eles estão totalmente estereotipados como cientistas malucos!”

Wilson, Gerson e Daniel são nossos cientistas/apresentadores do Ciência em Show. Devo assumir que quando os vi, em meados de 2007, não botava muita fé nos rapazes… Continuar lendo

Entrevista: Palhaços de Plantão

Conhece os Palhaços de Plantão?

Esse grupo tem como objetivo “levar a arte do palhaço ao ambiente hospitalar”, semelhante ao grupo Doutores da Alegria. Porém, quem realiza as atividades são alunos dos cursos da área de saúde de uma instituição de ensino superior aqui de São Paulo.

Em uma conversa rápida o Mauro Fantini, coordenador do projeto, saberemos um pouco mais sobre o projeto e veremos o que esse grupo tem a ver com ciência. Continuar lendo

A Ciência pela Arte (1): o álbum “Quanta”

Gilberto Gil em seu Show na UFBA

Em 2006, ano em que entrei na universidade, o cantor Gilberto Gil foi convidado para realizar uma aula-show em um evento organizado pela universidade para os calouros conhecerem melhor a instituição e outros cursos, Gil, além de cantar suas músicas, também contaria um pouco de como foi a sua própria experiência como estudante de graduação na Universidade Federal da Bahia. De lá para cá, esse tipo de convite foi um costume da UFBA, que em sua apresentação para os calouros já contou com nomes como Tom Zé e Morais Moreira, além de outros não tão famosos fora da Bahia.

Gosto muito de Gil, ele é um artista que consegue ser flexível no seu som, indo do funk ao reggae, do samba ao rock. Poucos artistas conseguem manter a qualidade de seu som por tantos anos a fio. E após ouvir suas histórias, deu vontade de ter estudado com ele, por sua participação política na universidade e por descobrir que algumas de suas músicas haviam sido compostas ali mesmo onde eu estava, entre uma aula e outra na Escola de Administração e uma visitinha verde na Faculdade de Filosofia e Ciências Humanas.

Continuar lendo