As sete maiores descobertas científicas de 2014

sem-tc3adtuloOlha quem chegou: o ano novo! Os doces foram jogados fora, a mensalidade da academia atrasada há meses foi paga, as gordurinhas acumuladas estão prontas para serem queimadas e as promessas feitas no Reveillon estão sendo cumpridas. Bom, pelo menos até Março né?

Nesse clima de falta de vontade de voltar ao trabalho e cuidando das queimaduras de sol, eu tive um momento Fátima Bernardes e me perguntei: da onde surgem as tradições? Pensando nisso resolvi dar prosseguimento e institucionalizar a primeira tradição do Prisma Científico: todo começo de ano faremos um retrospecto do que aconteceu de melhor na ciência no ano que se passou. Se você não conferiu as maiores descobertas científicas de 2013, clique aqui e veja os avanços daquele ano. Pois bem amigos, vamos as 7 maiores descobertas/avanços científicos de 2014! Continuar lendo

Filho e mãe: ele com os olhos dela e ela com os genes dele

Não é preciso de muita observação científica para perceber na natureza humana um padrão muito interessante: a ligação entre mãe e filho, assunto também abordado em um texto anterior do Prisma (Por que as mulheres menstruam?). Isso desenvolve-se tipicamente durante o processo da gravidez, do parto e da amamentação. Além disso, a ligação pode se dar em questões de segundos, minutos, horas, dias ou mais. É claro que essa ligação afetiva também pode ser desenvolvida para filhos não sanguíneos como no caso de uma adoção, ou com o pai da criança. No entanto, quero salientar neste texto um pouco do primeiro caso, no qual a ligação afetiva é combinada a trocas de substâncias químicas que podem alterar o organismo da mãe e do bebê irreversivelmente.

Continuar lendo

Olhos Valirianos

Como bons apreciadores de Game of Thrones, vamos a mais um post do Prisma que tem relação com a série inspirada na coleção de livrosAs Crônicas de Gelo e Fogo”, escritas por George R.R. Martin.

Depois de falar sobre a  Khaleesi brasileira e os Corvos, chegou a hora dos famosos Olhos Valirianos, que representam uma das características físicas típicas dos representantes da Casa Targaryen, cuja família é originária da antiga Cidade de Valíria.

Viserys e Daenerys Targaryen

Viserys e Daenerys Targaryen

Este texto não contém SPOILER!! Vai fundo amigo(a)!! 😉

Continuar lendo

As sete maiores descobertas científicas de 2013

Seguindo a linha da respeitada revista Science, o Prisma Científico começa o ano de 2014 relembrando o que foi feito de melhor pelos cientistas ao redor do mundo no ano passado.

Entre avanços no combate ao câncer e tornar o cérebro transparente, o ano de 2013 foi mais um ano de grandes conquistas na área científica.

Continuar lendo

Reescrevendo a natureza

Por definição, linguagem é a capacidade humana de aquisição e uso de sistemas complexos de comunicação. Línguas como o português, inglês e chinês são exemplos desses sistemas complexos. Toda língua compartilha uma característica importante que é a capacidade de ser codificado em sistemas secundários. O português, por exemplo, pode ser expresso e compreendido com o uso de estímulos visuais (escrita) ou táteis (braile).

Dado que existem mais de 6000 línguas no mundo inteiro (sem falar nos dialetos) é praticamente impossível que uma pessoa seja compreendida por todas as outras. Apesar das diferenças entre as línguas, existe uma que todos os seres humanos, ou melhor, todos os seres vivos entendem: a linguagem genética. O DNA é de todo mundo.

Continuar lendo