A moral daqueles que não possuem fé

Um vídeo recentemente retirado de um jornal catarinense e postado no Youtube incomodou diversas pessoas na internet. Não só pelo tema que, por si só, possui uma alta carga polêmica, mas pela opinião contundente expressa pelo jornalista e psicólogo Luiz Carlos Prates sobre a maior quantidade de religiosos do que ateus nas cadeias, inicialmente buscando ir de encontro a uma pesquisa que afirmou que a religião é um dos fatores fundamentais para a felicidade. Um dia falarei mais sobre essa pesquisa, antes de tudo, vamos falar sobre o que acabou sendo o ponto mais crítico do argumento de Prates, a discussão entre moral e religião.

Continuar lendo